Proteger Nossos Filhos é Mais Importante do Que Buscar a Aprovação Deles (Protecting Our Children Is More Important Than Seeking Their Approval)

Conheço pais cristãos que desejam que seus adolescentes não assistam a filmes classificados como impróprios para jovens, desejam que suas filhas não usem trajes de banho e vestidos de baile sugestivos e desejam que seus filhos não coloquem cartazes sexualmente provocativos em suas paredes, não olhem pornografia em seus telefones, nem ouçam música que glorifica a imoralidade. 
 
Devemos parar de desejar e começar a agir! Deus não nos dá uma responsabilidade sem uma autoridade correspondente.
 
"Mas não quero que meus filhos pensem que não confio neles". A confiança é importante, mas nunca é irrealista. Alguns pais confiam em seus adolescentes em situações em que eu não me confiaria em mim mesmo. Podemos confiar num filho de catorze anos proporcionalmente ao nível de maturidade e habilidades de vida que ele tem. Mas isso não significa que confiamos nele para dirigir um ônibus espacial ou ter um telefone muito moderno com acesso à internet. Ele ainda não está pronto para algumas coisas. 
 
Um jovem de outro estado conheceu uma das minhas filhas em um acampamento de esportes. Porque temos um endereço de e-mail de família, seus e-mails para minha filha vieram até mim. Sentei-me com ela, reconhecendo que ela não tinha feito nada de errado, para dizer que sentia que ela precisava parar de receber e-mails dele. 
 
Ela começou a chorar. Senti-me horrível, porque realmente confiava nela, mas com base em algo do que ele escreveu, eu não confiava nele. Logo comecei a chorar também. Finalmente, apertei a mão dela e afastei-me, sentindo-me como um pai horrível.
Então, senti a mão da minha filha no meu ombro. Eu me virei e ela me abraçou, ainda em lágrimas. Então, ela sussurrou palavras que nunca esqueci: "Obrigado por me proteger, papai".
 
Eu me pergunto quantos pais não deixaram de proteger suas filhas e filhos por desejarem sua aprovação. Ao falar sobre pureza sexual, uma vez perguntei a uma classe de 125 estudantes universitários cristãos: "Olhando para trás, quantos de vocês desejam que seus pais lhe tivessem dado menos liberdade nos seus anos de ensino secundário para ir onde quisessem e sair com quem quisessem?". Mais de 100 mãos se ergueram. 
 
Os filhos terão ressentimento e, eventualmente, desprezarão pais que querem apenas ser seus amigos, incluindo se vestirem e agirem como eles. Seus filhos já têm amigos. Elas necessitam que você seja o que só você pode ser, seu pai ou māe. 

Protecting Our Children Is More Important Than Seeking Their Approval

I’ve known Christian parents who wish their teenagers wouldn’t watch R-rated movies, wish their daughters wouldn’t wear suggestive swimsuits and prom dresses, and wish their sons wouldn’t put sexually provocative posters on their walls, look at pornography on their phones, or listen to music that glorifies immorality.

We must stop wishing and start acting! God does not give us responsibility without corresponding authority.

“But I don’t want my children to think I don’t trust them.” Trust is important, but it is never unrealistic. Some parents trust their teenagers in situations I wouldn’t trust myself in. You can trust your fourteen-year-old to his level of maturity and life skills. But that doesn’t mean you would trust him to fly the space shuttle or have a smart phone with internet access. Some things he’s not yet ready for.

A young man from another state once met one of my daughters at a sports camp. Because we had one family email address, his emails to my daughter came to me. I sat down with her, recognizing she had done nothing wrong, to tell her I felt she needed to stop receiving emails from him.

She started crying. I felt terrible, because I really did trust her, but based on some of what he wrote, I didn’t trust him. Soon I was crying, too. Finally I squeezed her hand and walked away, feeling like a lousy dad.

Just then I felt my daughter’s hand on my shoulder. I turned and she hugged me, still in tears. Then she whispered words I’ve never forgotten: “Thank you for protecting me, Daddy.”

I wonder how many dads have failed to protect their daughters and sons because they craved their approval. When speaking on sexual purity, I once asked a class of 125 Christian college students, “Looking back, how many of you wish your parents had given you less freedom in your high school years to go where you wanted to and hang out with who you wanted to?” Over 100 hands shot up.

Children will resent and eventually despise parents who just want to be their friends, including dressing and acting like them. Your children already have friends. They need you to be what only you can be—their parent. 

Photo Credit: Andrew Robles

Randy Alcorn, founder of EPM

Randy Alcorn (@randyalcorn) is the author of over fifty books and the founder and director of Eternal Perspective Ministries