Nossa Melhor Vida Ainda Por Vir: A Nova Terra, O Nosso Lar Eterno (Our Best Life Is Yet to Come: The New Earth, Our Eternal Home)

Imagine que você faz parte de uma equipe da NASA preparando-se para uma missão de cinco anos a Marte. Após um período de treinamento intensivo, a data de lançamento chega finalmente. Enquanto o foguete decola, um de seus colegas astronautas pergunta: "O que você sabe sobre Marte?"

Imagine-se encolhendo os ombros e dizendo: "Nada. Nunca conversamos sobre isso. Acho que vamos descobrir quando chegarmos lá." É impensável, não é? É inconcebível que seu treinamento não tenha incluído um extenso estudo e preparação para o seu destino final. No entanto, nos seminários, escolas bíblicas e igrejas ao redor do mundo, muito pouco é ensinado sobre o nosso destino final: os Novos Céus e a Nova Terra. Somos informados sobre como ir para o céu, que é um destino melhor do que o inferno, mas somos ensinados muito pouco sobre o próprio Céu.

O Céu Presente e o Céu Eterno São Diferentes?

O apóstolo Paulo considerou vital que soubéssemos o que acontece quando morremos: "Irmãos, queremos que vocês saibam a verdade a respeito dos que já morreram" (1 Tessalonicenses 4:13, NTLH).

As pessoas costumam pensar no "Céu" como o lugar para onde os cristãos vão quando morrem. Mas isso nos impede de compreender distinções bíblicas importantes. Uma melhor definição explica que o Céu é a morada central de Deus, a localização do seu trono de onde ele governa o universo.

A localização exata do presente Céu é desconhecida, mas nos é dito que o futuro Céu será localizado na Nova Terra, onde Deus vai descer para viver com seu povo (Apocalipse 21:3). O presente Céu é um lugar de transição entre as vidas passadas dos crentes na Terra e as vidas ressuscitadas futuras na Nova Terra.

A vida para qual vamos no Céu quando morremos é "muito melhor" do que viver aqui na Terra sob a Maldição, longe da presença direta de Deus (Filipenses 1:23). Mas embora seja um lugar maravilhoso, o presente Céu não é o lugar para o qual somos feitos, o lugar que Deus promete remodelar para vivermos na eternidade. Os filhos de Deus são destinados para a vida como seres ressuscitados numa Terra ressuscitada.

Apocalipse 21:1 diz: "E vi um novo céu e uma nova terra. Porque já se foram o primeiro céu e a primeira terra," Uma vez que abandonamos a nossa suposição de que o Céu não pode mudar, tudo faz sentido. Deus não muda; ele é imutável. Mas Deus diz claramente que o Céu vai mudar. Ele eventualmente será transferido para a Nova Terra.

Qual Será a Nova Terra e Nova Vida?

Efésios 1:10 diz que o plano de Deus é "fazer convergir em Cristo todas as coisas, celestiais ou terrenas." Assim como Deus e o homem estarão sempre unidos em Jesus, assim o Céu e a Terra estarão para sempre unidos no novo universo físico, onde vamos viver como pessoas ressuscitadas.

Deus irá morar conosco na Nova Terra. Isso unificará todas as coisas no Céu e na Terra. "Ouvi uma forte voz que vinha do trono e dizia: Agora o tabernáculo de Deus está com os homens, com os quais ele viverá. Eles serão os seus povos[38]; o próprio Deus estará com eles e será o seu Deus." (Apocalipse 21:3). Vamos viver, governar e servir com o nosso Senhor Jesus, fonte de toda a alegria e felicidade.

Habitar corpos ressuscitados em uma terra ressuscitada, com amizades ressuscitadas, desfrutando de uma cultura ressuscitada, com o Jesus ressuscitado — esta será a melhor das festas! Todos serão quem Deus os criou para ser—e nenhum de nós nunca mais vai sofrer ou morrer novamente.

A humanidade foi projetada para viver na Terra para a glória de Deus. É exatamente isso que a encarnação, a morte e a ressurreição de Cristo asseguraram — uma humanidade renovada em uma Terra renovada.

Um equívoco comum sobre o Céu eterno é que ele não será familiar. Mas isso não poderia estar mais longe da verdade. Quando ouvimos que no Céu teremos novos corpos e viveremos numa Nova Terra, é assim que devemos entender a palavra novo—uma versão restaurada e aperfeiçoada de nossos corpos familiares, de nossa Terra familiar e dos nossos relacionamentos familiares.

Como o Desejo pelo Nosso Lar Eterno nos Afeta Hoje?

Depois de dizer "esperamos novos céus e uma nova terra, onde habita a justiça", Pedro acrescenta imediatamente, "Portanto, amados, enquanto esperam estas coisas, empenhem-se para serem encontrados por ele em paz, imaculados e inculpáveis." (2 Pedro 3:13-14).

Sabendo que vamos viver para sempre como pessoas ressuscitadas em uma Nova Terra nos ajuda a perceber que as escolhas que fazemos hoje, incluindo escolhas de santidade pessoal—e como agimos em relação aos outros—vão fazer uma marca indelével na eternidade. Deus está vendo. Ele está registrando tudo. Jesus disse que no céu Ele nos recompensará por atos de fidelidade a Ele, até mesmo cada copo de água que demos aos necessitados em seu nome (veja Marcos 9:41).

A vida na Terra é importante, não porque é a única vida que temos, mas precisamente porque não é, é o início de uma vida que vai continuar eternamente numa Terra renovada. O que Deus diz sobre nosso futuro nos permite interpretar nosso passado e servi-lo em nosso presente.

Quer se trate de treinar um time, aconselhar jovens, cortar o gramado de uma viúva, defender os direitos de crianças em gestação, trabalhar pela reconciliação racial, participar de viagens missionárias, ou doar uma grande parte de sua renda para missões ou projetos nos centros urbanos, se você está fazendo no poder de Cristo, está trazendo uma amostra da futura Nova Terra para esta Terra presente e agonizante.
Não devemos esquecer a realidade gritante de que somos cidadãos de dois reinos, que um dia serão consolidados em um só, um novo céu e uma nova terra, indivisíveis e sob o domínio eterno de Cristo. Naquela Terra, olharemos para trás com satisfação e gratidão pela diferença que, pela graça de Deus, fomos capazes de fazer nessa Terra.

A nossa perspectiva hoje se baseia na realidade de que a ressurreição aguarda os filhos de Deus. Isto significa que nunca iremos atingir nosso máximo. O melhor ainda está por vir! Não há necessidade de listas de últimos desejos, porque as aventuras que nos esperam nos Novos Céus e na Nova Terra excederão em muito as maiores emoções dessa vida. Logo quando pensarmos "não pode ficar melhor do que isso" ... é ai que começa.

Photo by NASA via Unsplash


Our Best Life Is Yet to Come: The New Earth, Our Eternal Home

Imagine you’re part of a NASA team preparing for a five-year mission to Mars. After a period of extensive training, the launch date finally arrives. As the rocket lifts off, one of your fellow astronauts asks, “What do you know about Mars?”

Envision shrugging your shoulders and saying, “Nothing. We never talked about it. I guess we’ll find out when we get there.” It’s unthinkable, isn’t it? It’s inconceivable that your training wouldn’t have included extensive study of and preparation for your ultimate destination. Yet in seminaries, Bible schools, and churches around the world, there's very little teaching about our ultimate destination: the New Heavens and New Earth. We’re told how to get to Heaven, and that it’s a better destination than Hell, but we’re taught remarkably little about Heaven itself.

Are the Present Heaven and the Eternal Heaven Different?

The apostle Paul considered it vital for us to know what happens when we die: “Dear brothers and sisters, we want you to know what will happen to the believers who have died” (1 Thessalonians 4:13, NLT).

People usually think of “Heaven” as the place Christians go when they die. But this keeps us from understanding important biblical distinctions. A better definition explains that Heaven is God’s central dwelling place, the location of his throne from where he rules the universe.

The exact location of the present Heaven is unknown, but we’re told the future Heaven will be located on the New Earth, where God will come down to live with his people (Revelation 21:3). The present Heaven is a place of transition between believers’ past lives on Earth and future resurrection lives on the New Earth.

Life in the Heaven we go to when we die is “far better” than living here on Earth under the Curse, away from the direct presence of God (Philippians 1:23). But although it will be a wonderful place, the present Heaven is not the place we’re made for, the place God promises to refashion for us to live in forever. God’s children are destined for life as resurrected beings on a resurrected Earth.

Revelation 21:1 says, “Then I saw a new heaven and a new earth, for the old heaven and the old earth had disappeared.” Once we abandon our assumption that Heaven cannot change, it all makes sense. God doesn’t change; he’s immutable. But God clearly says that Heaven will change. It will eventually be relocated to the New Earth.

What Will the New Earth and Life There Be Like?

Ephesians 1:10 says that God’s plan is “to unite all things in him, things in heaven and things on earth.” Just as God and man will be forever united in Jesus, so Heaven and Earth will forever be united in the new physical universe, where we’ll live as resurrected people.

God will live with us on the New Earth. That will bring all things in Heaven and on Earth together. “And I heard a loud voice from the throne saying, ‘Behold, the dwelling place of God is with man. He will dwell with them, and they will be his people, and God himself will be with them as their God’” (Revelation 21:3). We’ll live and rule and serve with our Lord Jesus, the source of all joy and happiness.

To be in resurrected bodies on a resurrected Earth in resurrected friendships, enjoying a resurrected culture with the resurrected Jesus—now that will be the ultimate party! Everybody will be who God made them to be—and none of us will ever suffer or die again.

Mankind was designed to live on the Earth to God’s glory. That’s exactly what Christ’s incarnation, death and resurrection secured—a renewed humanity upon a renewed Earth.

A common misunderstanding about the eternal Heaven is that it will be unfamiliar. But that couldn’t be further from the truth. When we hear that in Heaven we’ll have new bodies and live on a New Earth, this is how we should understand the word new—a restored and perfected version of our familiar bodies and our familiar Earth and our familiar relationships.

How Does Longing for Our Eternal Home Affect Us Now?

After saying “we are looking forward to a New Heaven and a New Earth, the home of righteousness,” Peter immediately adds, “So then, dear friends, since you are looking forward to this, make every effort to be found spotless, blameless and at peace with him” (2 Pet. 3:13-14).

Knowing we’ll live forever as resurrected people on a New Earth helps us realize that the choices we make today, including choices of personal holiness—and how we act toward others—will make an indelible mark on eternity. God is watching. He’s keeping track. Jesus said that in Heaven He’ll reward us for acts of faithfulness to Him, right down to every cup of cold water we’ve given to the needy in His name (see Mark 9:41).

Life on Earth matters, not because it’s the only life we have, but precisely because it isn’t—it’s the beginning of a life that will continue without end on a renewed Earth. What God says about our future enables us to interpret our past and serve Him in our present.

Whether it’s coaching a team, mentoring young people, mowing a widow’s lawn, standing up for unborn children, working for racial reconciliation, going on short-term missions trips, or giving a large portion of your income to missions or inner-city work—If you’re doing it through Christ’s power you’re bringing a foretaste of the coming New Earth to this current, hurting Earth.

We shouldn’t forget the compelling reality that we’re citizens of two realms, which will one day be consolidated into one—a New Heaven and a New Earth, indivisible and under the eternal rule of Christ. On that Earth, we’ll look back with satisfaction and gratitude at the difference, by God’s grace, we were able to make on this Earth.

Our perspective today is informed by the reality that resurrection awaits God’s children. This means we’ll never pass our peaks. The best is yet to come! No need for bucket lists, because the adventures awaiting us in the New Heavens and on the New Earth will far exceed the greatest thrills of this life. Right when we think “it can’t get any better than this”…it will.

Photo by NASA via Unsplash

Randy Alcorn, founder of EPM

Randy Alcorn (@randyalcorn) is the author of over fifty books and the founder and director of Eternal Perspective Ministries